jump to navigation

The Last Story – Sistema de Batalhas inovador?!?!? 14 julho, 2010

Posted by gameproject in Uncategorized.
add a comment

O novo jogo de Hironobu Sakaguchi esta dando o que falar nos últimos dias por causa do trailer acima revelado. Neste mostra finalmente os gráfico e a jogabilidade do seu (ultimo?!? O cara disse que talvez seja seu trabalho final) jogo, The Last Story.

O que chama a atenção (não levando em conta os gráficos belos e uma animação de walk estranha) é o gameplay das batalhas. No vídeo percebemos elementos de linhas guias de FF XII sendo usados para que um personagem específico chame a atenção dos inimigos enquanto os outros preparam uma magia ou fazem uma investida por traz.
Também se observa a mudança de ângulos da visualização do personagem, passando para uma visão no ombro, estilo GoW e Resident 4, e a que mais chama a atenção quase no final do trailer, uma visão de cima como um RTS, usada para um ataque de grandes proporções.
Estamos ansiosos por mais demonstrações, pois parece ser um estilo único e inovador no campo dos JRPGs .

Retorno?!?!? 11 julho, 2010

Posted by gameproject in Uncategorized.
Tags:
add a comment

Sera que esse blog volta a vida agora ?

GamePlay – Exposição de Games em SP 12 agosto, 2009

Posted by gameproject in Uncategorized.
Tags:
add a comment

“A exposição GamePlay transcende aspectos técnicos e reflete sobre a interatividade com base nos jogos eletrônicos.
Quando interagimos com um videogame, ocorre um verdadeiro diálogo, uma troca de experiências com uma criação artificial capaz de prender a atenção de forma única.
Compreender essas relações é um possível caminho para entender o conceito de gameplay: o conjunto de experiências interativas entre dois ou mais sistemas, sejam eles humanos ou artificiais.
(…)É também nesse ponto que o gameplay pode transcender os próprios videogames, tornando-se essência de conversação, mais especificamente daquela que se dá entre humanos e máquinas.”

Fui nessa exposição a duas semanas e até q curti (foi mal Deserts, nem nos encontramos). Os pontos legais vão para a explicação dos jogos eletrônicos que tem logo na entrada do Itau Cultural , pois você “joga” cada parte do texto sobre os jogos .Apesar dos jogos que estão na exposição serem já conhecidos da geração passada (Katamari ) ou da atual (Halo e Fatatl Frame 4) é legal curtir outras atrações e ver as palestras sobre o mercado de jogos .

O ponto ruim é o publico. Cara, TEM MUITO PIVETE CHATO. VocÊ não consegue aproveitar os jogos direito por causa que sempre tem um menino querendo te fazer perguntas chatas, passar na sua frente para jogar ou chorando porque se perdeu da mãe.

Quem quiser arricar enfrentar a creche, a amostra vai durar até 30 de agosto ok.

Site Oficial
http://www.itaucultural.org.br/gameplay/

Edge nº2 – Por que ainda vale a pena comprar revistas de videogame 28 julho, 2009

Posted by gameproject in Uncategorized.
Tags:
1 comment so far

Ganhei semana passada de uma pessoa muito querida uma edição da revista EDGE Versão Brazuca. Já tinha lido algumas edições originais e já gostava muito do conteúdo , e agora ao ter acesso a essa versão me apaixonei de vez pelo caráter critico e as reportagens extremamente detalhadas (com destaque para as áreas de produção e bastidores da criação de games)
A única coisa ruim é o preço, mas se você tiver como gastar essa grana (15 reais), lhe garanto que vai ser um dinheiro muito bem gasto .

Ultimos Acontecimentos 9 junho, 2009

Posted by gameproject in Uncategorized.
1 comment so far

premio

Apesar do nosso pessoal estar desaparecido(dês que terminamos o beta de Raidho, todo mundo começou a trabalhar e ficou difícil  voltar a rotina de produção de games.) estamos voltando para  participar do BRGames 09, o qual vamos  poder mostrar que somos aptos a desenvolver outro jogo assim como foi ou outros.

Uma Boa noticia é que ganhamos o  premio especial do 1º Festival PUC-SP de Criação e Desenvolvimento de Games com o jogo Raidho (Hecatombe até concorreu mas não foi dessa vez rsrsrs).

E semana passada  demos uma palestra sobre a produção de jogos digitais na escola El Shadai .Utilizando nosso jogo como exemplo, foi mostrado um pouco de cada característica da produção (roteiro, parte gráfica, sonora, etc…)

Agora vamos em frente pessoal.

GAME CULTURA 2008 7 dezembro, 2008

Posted by gameproject in Uncategorized.
Tags:
add a comment

Por Gilberto Tensai

Começou um evento de games no SESC Pompeia envolvento Palestras, Oficinas de Produção de Games e Concursos.Vale uma passada para conhecer e curti o ambiente (Quando fui em 2006 o ambiente tava todo decorado como um castelo , muito legal!!)

Fica a dica: http://www.gamecultura.org/

Produção GP – Fisica 8 outubro, 2008

Posted by gameproject in Uncategorized.
add a comment

Nesse video estamos vendo como a fisica funciona na engine (alem de algumas besteiras que acabamos falando ),durante todo o percurso do jogo, quase que do começo au fim, apresentando os Puzzles e algguns inimigos.

O resto você encontra aqui, aqui e aqui.

Engines – Parte 2 – Microsoft e o XNA 28 fevereiro, 2008

Posted by gameproject in Uncategorized.
add a comment

 xna

O XNA  é a plataforma de desenvolvimento de jogos da Microsoft que vem chamando muito a atenção  dos que  iniciam  na aventura de produzir um jogo. Se você souber C#Sharp já pode dar um passo a frente, pois através do Visual C# Express você pode já começar a programar e fazer seus jogos, e como foi anunciada recentemente, uma parte de suas ferramentas (incluindo o Visual) vai ser disponibilizada de graça:
“Para os desenvolvedores de jogos, o pacote conta com ferramentas como o Visual Studio 2008 Professional Edition (inclui também a edição 2005), além do XNA Game Studio 2.0 e assinatura de 12 meses no XNA Creators Club, que é um fórum de discussão e um centro de recursos para desenvolvedores, no qual podem trocar experiências.
Também serão disponibilizados o servidor de banco de dados SQL Server 2005 e o Windows Server. Os designers contam com o Expression Studio, uma suíte de ferramentas para produção de páginas web e editor de imagens e animação.”

e agora o jogo que você criar vai estar disponivel no mundo todo atravez da live, a rede online do 360:

“Cada jogo é associado a um XNA Creator Identity, uma espécie de gamercard, que identifica o autor. O criador pode inserir conteúdo sensível, como sangue, desde que o especifique na descrição. Haverá monitoramento sobre atitudes ilegais, como a utilização de conteúdo protegido por direito autoral ou de pornografia infantil, por exemplo. “Dez milhões de pessoas na Live jogarão seu game”, disse Satchell. E projetou: “Isso significa que haverá mil jogos no Live Arcade no fim do ano”. “

Em geral nossos grupo não gosta muito do XNA , não por ser ruim, mas é que toda a vez que tivemos contato com ele  algo não contribuía… Ou era  as palestras que não mostravam nada de um jogo feito por algum brasileiro, ou era os próprios representantes da Microsoft que não nos ajudaram muito, enfim, na época ele não  parecia ser nada amigável para o nosso tipo de projeto. Mas parece que agora as coisas estão melhores e com esses anúncios  quem sabe  nosso jogo não aparece para ser votado e vendido na Live.

Fonte:aqui e aqui